Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ipea.gov.br/handle/11058/3144
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TD_1978.pdf971.08 kBAdobe PDFView/Open
TD_1978_sumario_executivo.pdf407.65 kBAdobe PDFView/Open
Title: Caminhos para o investimento privado nas economias emergentes: as características institucionais e os spreads corporativos
Other Titles: Texto para Discussão (TD) 1978: Caminhos para o investimento privado nas economias emergentes: as características institucionais e os spreads corporativos
Paths for private investment in emerging market economies: institutional characteristics and corporate spreads
Authors: Rocha, Katia
Moreira, Ajax
Fiuza, Gabriel
Pessoa, Marcelo
Abstract: O estudo analisa o papel das características institucionais do país (governança) e do sistema financeiro doméstico (desenvolvimento, eficiência, estabilidade e abertura de capital) nos determinantes dos spreads de títulos corporativos emergentes emitidos no mercado internacional. Propõe-se um modelo econométrico de dados em painel com os spreads corporativos do Corporate Emerging Markets Bond Index Broad Diversified (Cembi Broad Diversified) no período de 2002 a 2011 para vinte economias emergentes. Os spreads soberanos analisados de África do Sul, Argentina, Brasil, Cazaquistão, Chile, China, Colômbia, Coreia do Sul, Filipinas, Índia, Indonésia, Malásia, México, Peru, Rússia, Singapura, Tailândia, Turquia, Ucrânia e Venezuela, constituíam em junho de 2013 aproximadamente 80% do Cembi Broad Diversified. Conclui-se que políticas que promovam liberalização financeira, abertura de capital, austeridade fiscal, desenvolvimento do sistema financeiro doméstico e melhorias em elementos institucionais do governo, como aparato legal e qualidade da regulação, têm potencial de reduzir os spreads corporativos dos mercados emergentes, em especial em momentos de aversão ao risco global. Os resultados indicam que iniciativas visando ao aprimoramento institucional do governo e ao desenvolvimento do mercado de capitais podem baratear as captações de empresas emergentes e, consequentemente, aumentar a participação do investimento privado.
Rights holder: Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea)
License: É permitida a reprodução deste texto e dos dados nele contidos, desde que citada a fonte. Reproduções para fins comerciais são proibidas.
Type: Texto para Discussão (TD)
Appears in Collections:Administração Pública. Governo. Estado: Livros
Economia. Desenvolvimento Econômico: Livros
Pequenas, Médias e Grandes Empresas: Livros



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.