Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ipea.gov.br/handle/11058/5200
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Radar_n14_Heterogeneidade estrutural no setor industrial.pdf318.49 kBAdobe PDFView/Open
Title: Heterogeneidade estrutural no setor industrial
Authors: Vasconcelos, Lucas Ferraz
Nogueira, Mauro Oddo
Abstract: Neste trabalho foram adotados dois critérios de agrupamento, no primeiro caso, os subsetores industriais foram agrupados em função do insumo predominante em seu processo produtivo, a saber: estrato intensivo em engenharia, estrato intensivo em recursos naturais e estrato intensivo em trabalho. Esta estratificação - sugerida em estudo sobre a mudança estrutural e a HE na América Latina por Cimoli et al (2005) e reproduzida por Katz (2006) para análise da relação de tal mudança com as capacidades tecnológicas locais - tem como base os subsetores relacionados na Classificação Industrial Internacional Unificada (CIIU) e busca separá-los em função de seu potencial de arraste e transbordamento para o restante da economia. Para segunda análise, as firmas foram agrupadas de acordo com seu porte. Admitindo que as diferenças de porte no setor industrial impliquem diferenças nas capacidades tecnológicas, de gestão das firmas e de ganhos de escala em geral, objetivou-se identificar em que medida a heterogeneidade no setor guarda correlação com tais características.
References: http://repositorio.ipea.gov.br/handle/11058/3459
Rights holder: Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea)
License: É permitida a reprodução deste texto e dos dados nele contidos, desde que citada a fonte. Reproduções para fins comerciais são proibidas.
Type: Radar - Artigos
Appears in Collections:Indústria: Artigos



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.