Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ipea.gov.br/handle/11058/8217
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TdM_v3_n2_Espirito.pdf313.32 kBAdobe PDFView/Open
Title: O "Espírito de Dunquerque" e o NHS inglês : teoria, história e evidências
Other Titles: The "Spirit of Dunkirk" and the english NHS : theory, history and evidences
El "Espíritu de Dunkerque" y el NHS inglês : teoría, história y evidencias
Authors: Wolf, Paulo José Whitaker
Oliveira, Giuliano Contento de
Abstract: O objetivo deste artigo é analisar as especificidades do National Health Service (NHS), o sistema de saúde público, universal e, em grande medida, gratuito, da Inglaterra, a partir de uma abordagem teórica, histórica e empírica. Argumenta-se que sistemas de proteção social mais sofisticados nos quais se inclui o NHS tendem a ser mais prováveis e resilientes em sociedades menos heterogêneas, dado que, nesses casos, seus benefícios e custos se distribuem de forma menos assimétrica entre os diferentes grupos que a compõem. Uma vez que este não é o caso da sociedade inglesa, o seu surgimento somente foi possível em circunstâncias históricas excepcionais, em que prevaleceu o “espírito de Dunquerque”. Tão logo elas se foram, iniciou-se o processo de reforma desse sistema. As reformas levadas a cabo desde então não foram capazes de melhorar consideravelmente o desempenho do NHS, na medida em que a oferta não foi capaz de atender adequadamente a demanda pelos serviços de saúde. Isso se tornou ainda mais evidente depois da eclosão da crise internacional em 2008, em geral, e europeia, em particular, quando o novo governo de coalizão adotou rigorosas medidas de austeridade que implicaram a redução dos recursos disponíveis para a realização de novos investimentos em pessoal e em infraestrutura. A análise da experiência do NHS indica que a construção de sistemas de proteção social mais sofisticados em sociedades mais heterogêneas é bastante improvável na ausência de circunstâncias históricas excepcionais.
References: http://repositorio.ipea.gov.br/handle/11058/8203
Rights holder: Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea)
License: É permitida a reprodução deste texto e dos dados nele contidos, desde que citada a fonte. Reproduções para fins comerciais são proibidas.
Type: Revista Tempo do Mundo - Artigos
Appears in Collections:Saúde: Artigos
Administração Pública. Governo. Estado: Artigos



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.