Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ipea.gov.br/handle/11058/4495
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Comunicados_n121_Relações.pdf766.51 kBAdobe PDFView/Open
Title: As relações do Mercosul com Estados Unidos e China ante o deslocamento do centro dinâmico mundial
Other Titles: Comunicados do Ipea 121 : As relações do Mercosul com Estados Unidos e China ante o deslocamento do centro dinâmico mundial
Authors: Acioly, Luciana
Calixtre, André
Ceratti, Rubem
Abstract: A partir do reconhecimento das tensões globais provocadas pelo processo de deslocamento do centro dinâmico dos Estados Unidos para a China, este Comunicado tem como objetivo analisar o distanciamento das relações comerciais entre o Mercosul e o primeiro país e o aprofundamento dessa relação com o último, durante a última década (2000-2009). A situação recente do Investimento Direto Chinês nos países do Mercosul também será analisada a seguir. Por problemas na inconsistência dos dados de comércio reportados pela Venezuela ao sistema das Nações Unidas nos anos de 2007 e 2009, a composição utilizada dos Estados partes do Mercosul somente considerou os membros atualmente plenos, ou seja, Argentina, Brasil, Paraguai e Uruguai. A constituição do Mercosul transcorreu durante a predominância hegemônica dos Estados Unidos, permeada pelo impulso das altas finanças globais comandadas pelo receituário neoliberal. A trajetória de ampla vulnerabilidade nas economias latino-americanas direcionou os esforços de integração do Mercosul fundamentalmente para as relações comerciais, não obstante esforços em outros sentidos. Antes da crise financeira internacional, a economia estadunidense apresentava sinais de certa decadência ante o seu esvaziamento produtivo e a relativa perda, ainda que mantida a condição de referência geral de valor, de importância do dólar. A partir de 2008, a diminuição de influência norte americana tornou-se mais evidente, sobretudo quando se considera o sucesso do milagre econômico chinês e a trajetória asiática de atrair de forma acelerada o dinamismo da acumulação global.
Rights holder: Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea)
License: É permitida a reprodução e a exibição para uso educacional ou informativo, desde que respeitado o crédito ao autor original e citada a fonte (http://www.ipea.gov.br). Permitida a inclusão da obra em Repositórios ou Portais de Acesso Aberto, desde que fique claro para os usuários os termos de uso da obra e quem é o detentor dos direitos autorais, o Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea). Proibido o uso comercial ou com finalidades lucrativas em qualquer hipótese. Proibida a criação de obras derivadas. Proibida a tradução, inclusão de legendas ou voz humana. Para imagens estáticas e em movimento (vídeos e audiovisuais), ATENÇÃO: os direitos de imagem foram cedidos apenas para a obra original, formato de distribuição e repositório. Esta licença está baseada em estudos sobre a Lei Brasileira de Direitos Autorais (Lei 9.610/1998) e Tratados Internacionais sobre Propriedade Intelectual.
Type: Comunicados do Ipea
Appears in Collections:Cooperação Internacional. Relações Internacionais: Relatórios de Atividades / Técnicos
Comércio Internacional: Relatórios de Atividades / Técnicos



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.