Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ipea.gov.br/handle/11058/7365
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
td_2264.pdf423.29 kBAdobe PDFView/Open
td_2264_sumex.pdf34.97 kBAdobe PDFView/Open
Title: Fluxo de capital e qualidade institucional das economias emergentes
Other Titles: Texto para Discussão (TD) 2264 : Fluxo de capital e qualidade institucional das economias emergentes
Authors: Rocha, Katia
Moreira, Ajax
Abstract: Este estudo analisa a relação entre qualidade institucional e fluxo de capital para economias emergentes; determinante estrutural de longo prazo usualmente pouco debatido na literatura. As treze economias analisadas entre 2000 e 2014 representavam mais de 70% do índice JPMorgan Emerging Markets Bond Index Global, em setembro de 2016. A especificação do modelo tem o mérito de medir os efeitos diretos e indiretos das variáveis consideradas exógenas nos fundamentos domésticos, o que, segundo nosso conhecimento, é uma abordagem inovadora. Os principais resultados sugerem que uma melhoria da qualidade institucional da economia emergente está intimamente ligada a uma maior entrada de fluxo de capital; em especial, investimento externo direto. Um aumento típico na qualidade institucional anularia os efeitos adversos de choque de liquidez internacional ou aversão ao risco global.
Rights holder: Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea)
License: É permitida a reprodução deste texto e dos dados nele contidos, desde que citada a fonte. Reproduções para fins comerciais são proibidas.
Type: Texto para Discussão (TD)
Appears in Collections:Economia. Desenvolvimento Econômico: Livros
Sistema Monetário. Finanças. Bancos: Livros



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.