Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ipea.gov.br/handle/11058/1545
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TD_1369.pdf1.32 MBAdobe PDFView/Open
Title: Uma experiência de desenvolvimento metodológico para avaliação de programas: o modelo lógico do Programa Segundo Tempo
Other Titles: Texto para Discussão (TD) 1369: Uma experiência de desenvolvimento metodológico para avaliação de programas: o modelo lógico do Programa Segundo Tempo
An experience of methodological development for program evaluation: the logical model of the Second Half Program
Authors: Ferreira, Helder
Cassiolato, Martha
Gonzalez, Roberto
Abstract: Em 2005, a Comissão de Monitoramento e Avaliação, órgão colegiado de composição interministerial e coordenado pela Secretaria de Planejamento e Investimentos Estratégicos do Ministério do Planejamento Orçamento e Gestão (SPI/MP), demandou aos integrantes de sua Câmara Técnica o desenvolvimento de uma proposta metodológica para avaliação de programas do Plano Plurianual (PPA). Na ocasião, foi enfatizada a necessidade de uma proposta de avaliação menos complexa e de menor custo, a qual deveria preceder a contratação de avaliações de maior profundidade. A metodologia, a ser aplicada a qualquer tipo de programa governamental, deveria estar focada no aperfeiçoamento de aspectos relacionados ao desenho e ao gerenciamento de programas, mas com potencial para, ao mesmo tempo, sistematizar a demanda por avaliações de resultados das ações do governo. Para o desenvolvimento da proposta, tomou-se como fundamento a metodologia de Exame de Avaliabilidade, de Joseph S. Wholey. Esta foi inicialmente concebida enquanto uma pré-avaliação para se verificar se um programa está desenhado para ser gerenciado por resultados, e identificar quais as mudanças necessárias para que isto ocorra. Uma etapa crucial da metodologia é a construção do modelo lógico de resultados, que cumpre o papel de explicitar a teoria do programa e aferir sua qualidade, verificando se está bem desenhado e se apresenta um plano plausível de alcance de resultados. Na experiência de desenvolvimento metodológico aqui relatada foram acrescentados novos aportes à teoria do modelo lógico, tal como concebida por Wholey e outros autores norte-americanos. Esta proposta de construção de modelo lógico desenvolvida pelo Ipea foi incorporada pelo MP, inicialmente em caráter experimental, em 2007, em 20 programas finalísticos do PPA. Em 2008, sua aplicação está em curso em mais 50 programas.
Rights holder: Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea)
License: É permitida a reprodução deste texto e dos dados nele contidos, desde que citada a fonte. Reproduções para fins comerciais são proibidas.
Type: Texto para Discussão (TD)
Appears in Collections:Ciência. Pesquisa. Metodologia. Análise Estatística: Livros
Administração Pública. Governo. Estado: Livros



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.