Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ipea.gov.br/handle/11058/2124
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TD_1200.pdf861.21 kBAdobe PDFView/Open
Title: Idosos vítimas de maus-tratos domésticos: estudo exploratório das informações levantadas nos serviços de denúncia
Other Titles: Texto para Discussão (TD) 1200: Idosos vítimas de maus-tratos domésticos: estudo exploratório das informações levantadas nos serviços de denúncia
Elderly victims of domestic abuse: an exploratory study on the information gathered in denunciation services
Authors: Pasinato, Maria Tereza
Camarano, Ana Amélia
Machado, Laura
Abstract: A violência contra idosos não é um fenômeno novo. Eles são vítimas de diversos tipos de violência, desde insultos e espancamentos pelos familiares e cuidadores (violência doméstica) até maus-tratos sofridos em transportes públicos e instituições, de maneira geral (violência social). Apesar de a legislação brasileira ser bastante avançada, foi apenas a partir do Estatuto do Idoso que a questão da denúncia de maus-tratos por profissionais de saúde e cidadãos em geral passou a ser mandatória. No entanto, levantam-se aqui algumas questões: como estão equipados os serviços de proteção aos idosos? Existem serviços específicos em todo o território nacional? Os cidadãos e os profissionais de saúde estão cumprindo com o dever de comunicar as formas de violência de que tenham conhecimento? Que tipos de denúncias ocorrem com mais freqüência? O presente trabalho procura, em caráter exploratório, dar algumas respostas às questões elencadas. Com esse objetivo, realizou-se um levantamento preliminar sobre os tipos de denúncias recebidas e os encaminhamentos prestados em serviços de ouvidoria do tipo Disque Idoso. O estudo também confirma a existência de várias formas de violência familiar contra idosos. A forma mais freqüente de maus-tratos na família brasileira parece ser o abandono. Isso sugere a falta de informação e de capacitação adequada da família para o cuidado do idoso dependente. Por outro lado, não existem políticas públicas eficientes que auxiliem a família a cuidar de seus membros idosos.
Rights holder: Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea)
License: É permitida a reprodução deste texto e dos dados nele contidos, desde que citada a fonte. Reproduções para fins comerciais são proibidas.
Type: Texto para Discussão (TD)
Appears in Collections:Saúde: Livros
Desenvolvimento Social: Livros



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.