Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ipea.gov.br/handle/11058/7288
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
td_2245.pdf1.76 MBAdobe PDFView/Open
td_2245_sumex.pdf31.41 kBAdobe PDFView/Open
Title: Impactos da terceirização sobre a remuneração do trabalho no Brasil : novas evidências para o debate
Other Titles: Texto para Discussão (TD) 2245 : Impactos da terceirização sobre a remuneração do trabalho no Brasil : novas evidências para o debate
Authors: Campos, André Gambier
Abstract: Este artigo traz novos insumos para o debate sobre a terceirização no Brasil atual. Insumos como o número de assalariados afetados por esse fenômeno, estimado por meio de uma nova metodologia, envolvendo registros administrativos recém-disponibilizados. Nesse contexto, encontram-se 4,02 milhões de terceirizados, que correspondem a 11,7% do total de assalariados do setor privado urbano. Ao comparar a remuneração dos assalariados diretos e dos terceirizados, percebe-se que há variação negativa da remuneração em desfavor destes. É verdade que outros atributos também afetam a remuneração dos terceirizados. Não obstante, em meio a este grupo de assalariados, a terceirização ganha destaque como fator observável que pode “explicar” a variação na remuneração. Seja como for, são necessários estudos adicionais, com foco nos impactos da terceirização, antes de qualquer deliberação sobre o assunto. Em particular, antes de qualquer deliberação do Congresso Nacional, que está prestes a votar uma nova regulação sobre a terceirização no Brasil.
Rights holder: Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea)
License: É permitida a reprodução deste texto e dos dados nele contidos, desde que citada a fonte. Reproduções para fins comerciais são proibidas
Type: Texto para Discussão (TD)
Appears in Collections:Emprego. Trabalho: Livros



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.