Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ipea.gov.br/handle/11058/7330
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
DiscussionPaper_219.pdf647.68 kBAdobe PDFView/Open
DiscussionPaper_219_sumex.pdf28.43 kBAdobe PDFView/Open
Title: Unions in Brazil : what to expect in the near future?
Other Titles: Discussion Paper 219 : Unions in Brazil : what to expect in the near future?
Uniões no Brasil : o que esperar no futuro próximo?
Authors: Campos, André Gambier
Abstract: Hoje em dia, há um debate crescente sobre o papel da negociação coletiva na regulação do trabalho no Brasil. No entanto, é possível discutir uma regulação deste tipo, sem debater os atores coletivos responsáveis por isso? A resposta é provavelmente negativa, ao menos no que diz respeito aos atores de trabalho (sindicatos), que enfrentam vários dilemas. Há milhares de sindicatos no Brasil, distribuídos por todos os setores econômicos, categorias profissionais e regiões do país. À primeira vista, isso pareceria muito promissor para a promoção de qualquer regulação negociada do trabalho. No entanto, como regra, esses sindicatos apresentam uma constituição frágil, com poucos trabalhadores em sua base, bem como uma pequena filiação entre eles. Como resultado desta constituição frágil, esses sindicatos reúnem poucos recursos para negociar coletivamente novas formas de regulação do trabalho. Para superar esses problemas, algumas mudanças estruturais (e históricas) parecem necessárias, a fim de obter sindicatos mais representativos e efetivos no Brasil
Rights holder: Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea)
License: Reproduction of this text and the data it contains is allowed as long as the source is cited. Reproductions for commercial purposes are prohibited.
Type: Discussion Paper
Appears in Collections:Emprego. Trabalho: Livros



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.